Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Sobre esse tal Pilates



Pensa numa pessoa que já tentou de tudo pra definir o corpo, a própria que vos escreve, academia e esportes de uma maneira geral nunca colaboram comigo por um motivo simples, sempre terminava com falta de ar, pode ter sido exagero sim, mas isso sempre me desanimou a cuidar do corpo até que eu conheci o Pilates e rolou um entendimento.

Sem muitas delongas, essa técnica consiste no método de controle muscular desenvolvido por Joseph Pilates
na década de 1920, cujo o objetivo central, pode-se dizer, consiste na conscientização muscular, e apesar de ficar estático, parecer perda de tempo, na postura correta o músculo é trabalhado de dentro para fora aumentando a resistência do mesmo.
 Por ser uma atividade física de baixo impacto e de poucas repetições, o pilates proporciona resultados eficazes e, ao mesmo tempo, menos desgaste das articulações e dos músculos, tornando-o praticável por atletas profissionais a pessoas sedentárias.
Realizados com precisão, os movimentos do método podem ser feitos por pessoas de todas as idades, inclusive as que sofrem de problemas ósseos e musculares ou até de dores crônicas. Em casos como esses, é importante que o trabalho seja conduzido por um fisioterapeuta.
Dessa forma, ele transmite a mensagem “independentemente da situação em que esteja, você pode e deve se mexer”.
Um dos diferenciais do Pilates está na sua versatilidade e na variedade de movimentos. Ao perceber melhoras em suas saúde física e mental, o aluno tem sua autoestima elevada. O controle da respiração, por exemplo, permite ao praticante controlar sua ansiedade. Outra função muito apreciada é a de pós-tratamento de coluna, pois trabalha também com o fortalecimento da musculatura estabilizadora da coluna. Além disso, a modalidade também serve de escudo contra o estresse e a fadiga.



As aulas apresentam:
  • Exercícios suaves e eficazes;
  • Poucas repetições de cada movimento;
  • Grande repertório de exercícios;
  • Aulas únicas, evitando monotonia;
  • Uso de aparelhos e acessórios criados especialmente para os exercícios;
  • Resultados rápidos e duradouros;
  • Construção de uma postura correta e natural;
  • Não há desgaste físico.
Benefícios:
  • Aumenta a resistência física e mental;
  • Alongamento e maior controle corporal;
  • Correção postural;
  • Aumento da flexibilidade, tônus e força muscular;
  • Alívio das tensões, estresse e dores crônicas;
  • Melhora da coordenação motora;
  • Maior mobilidade das articulações;
  • Estimulação do sistema circulatório e oxigenação do sangue;
  • Facilita a drenagem linfática e eliminação das toxinas;
  • Fortalecimento dos órgãos internos;
  • Aumento da concentração;
  • Trabalha a respiração;
  • Promove relaxamento.
Se você é da Grande Vitória e não sabe onde praticar PILATES, recomendo e indico o trabalho da Dra Elizabeth Aranha, ela é a fisioterapeuta responsável pela Beta Fisio, e cuida não somente do físico como da Estética também... Para conhecer mais acesse o link ou entre em contato:




 

5 comentários:

  1. Arrasou Giovana! Temos que cuidar da saúde. Viva mais flexibilidade, mais equilíbrio, viva mais.

    ResponderExcluir
  2. Arrasou Giovana! Temos que cuidar da saúde. Viva mais flexibilidade, mais equilíbrio, viva mais.

    ResponderExcluir
  3. Pilates é um exercício muito bom só vejo muita gente falando bem tenho muita vontade de fazer beijos :) http://katsouza.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Bem que estava precisando, ainda mais começando o sétimo mês de gestação. Mas por aqui é tão caro!

    http://www.arianebaldassin.com/

    ResponderExcluir

Obrigada por seu recado, estarei lendo e responderei em breve...